Financiamento de carro: 7 dicas para acertar e economizar

A ideia de financiamento de carro é especial no universo mental de qualquer adulto do Planeta. Se houver vida fora dele, lá também deve ser assim, pois essa ideia leva uma série de detalhes. Não é simplesmente ir a uma agência de automóveis, firmar contrato e sair com o veículo.

É realmente muito mais. É símbolo de conquistas, imagem de sucesso, demonstração de progresso. Entretanto, atualmente e por conta do fluxo diário de atividades, é também necessidade. Deixou de ser instrumento de ostentação.

Porém, nem todo mundo dispõe dos altos valores de carros praticados no Brasil. Na maioria das vezes, depende do bom e velho sistema financeiro de financiamento. E aí aquela sensação de ser especial se perde um pouco.

Para auxiliar você a conseguir, manter e desfrutar do sistema de financiamento de carro, existem diversas dicas de postura e algumas estratégias em fontes confiáveis, como a revista Valor Econômico. Veja aqui seis delas e, se tiver outras sugestões, mande pra gente.

Ah… e há até mesmo um alerta interessante ao fim desta apresentação.

Dica 06 – Pesquisa, questione, simule

A gente falou lá em cima que a internet é eficaz – pro lado do comprador também. Pesquise tudo o que for possível sobre a financiadora; discuta com eventuais clientes; simule negociação nos sites e use o “print” para registrar o resultado para o caso de precisar mostrar na agência.

Dica 05 – Não financie

Isso mesmo.  Se dispuser do valor total, ainda que sob muito esforço, compre à vista.

Dica 04 – Construa relações com instituições

Atualmente, a Tecnologia da Informação é altamente eficaz. Assim, instituições financeiras com aporte de financiadoras dispõem de bancos de dados exclusivos para analisar relações com seus clientes. Tudo entra nos registros dos históricos. As informações acabam compondo, então, o perfil do cliente.

Assim, se você puder esperar, preocupe-se em melhorar ou manter as boas relações com a instituição de sua confiança. Quanto menos problemas você apresentar (saldos negativos, atrasos nos pagamentos de parcelas, reclamações em redes sociais ou sites diversos – sim… pense atentamente nisso -, falta de respostas a eventuais contatos etc.), mais melhora seu perfil.

Assim, as chances de ver sua proposta de financiamento de carro aprovada são grandes.

Dica 03 – Aumente o valor da entrada

Uma financiadora visa lucro – claro que você sabe disso. O que talvez não saiba é que uma das formas de obter lucro é correr menos riscos de não ter lucro. Assim, quanto maior o valor que você oferecer de imediato na agência de veículos, menos dinheiro a financiadora vai tirar do próprio caixa.

Sim… é uma espécie de compra de crédito. Analise essa possibilidade.

Dica 02 – Comprove renda extra

Qualquer que seja: recebimento de dividendos, trabalhos esporádicos, recursos familiares, imóveis alugados etc. Mas sempre com comprovante.

Qualquer menção a rendas extras não comprováveis pode gerar ranhuras no relacionamento com a financiadora. Fuja desse subterfúgio.

Dica 01 – Agências não são financiadoras

Isso significa que agências têm convênio com determinada financiadora. Assim, não se contente com a proposta da primeira agência que encontrar. Talvez a financiadora de outra seja muito mais eficaz e atrativa.

Dica bônus 1 – Atenção às cláusulas da proposta

Por mais que você saiba disso, é sempre bom alertar: ainda há aquelas famigeradas letrinhas de pé de página. Atenção especial a elas. Mas não somente a elas.

Leia cláusula por cláusula. Se não compreender uma palavra, pergunte; se estranhar, pesquise. Analise frase por frase; verifique se determinado trecho não está conflitando com outros.

Se puder, mostre a proposta a algum conhecido envolvido com análise de textos. Você não tem ideia de como uma vírgula por resultar em problemas de interpretação.

Ainda, um alerta sobre financiamento de carro 

Não se espante, mas há uma prática estranha já registrada em alguns países capitalistas. E não é impossível que chegue ao Brasil. Trata-se do financiamento “ioiô”. O nome pode dizer algo sobre ele, mas não tudo: não é exatamente um golpe, mas tem a aparência de um.

  • Você vai à agência de veículos
  • Passa todas as informações
  • Recebe a notícia de que está tudo bem
  • Você se alegra, apanha as chaves do carro
  • Vai pra casa com ele

Dias ou semanas depois, a agência liga e diz que “infelizmente, o crédito não foi aprovado para o valor combinado”. Você vai precisar renegociar o valor com juros mais altos ou devolver o veículo.

Bem… você passou dias com o possante. Desfazer-se dele fica mais difícil. Então, tende a aceitar juros mais altos. Por outro lado, se optar por devolver o veículo, informam que há taxa de aluguel pelos dias de uso.

Sim… tudo respaldado em contrato. Situações semelhantes já foram vistas nos EUA. Logo chegam por aqui. Então, cuidado. Por isso, a dica bônus acima trata de alertar para que leia sempre, letra a letra, tanto a proposta de negociação quanto o próprio contrato de financiamento de carro, seja para a compra de carros novos ou carros usados.

Possuir um veículo é avanço; evitar problemas com financiadoras também.

Dicas Para Ter Sucesso Como Empreendedor Digital

Dicas Para Ter Sucesso Como Empreendedor Digital

Tomar a decisão de ser o dono do próprio negócio é uma passada muito grande. Mas, indubitavelmente, várias dessas pessoas não têm entendimento sobre empreendedorismo.

Ninguém consegue chegar em lugar algum sozinho, e para ter sucesso como empreendedordigital, você precisará de ajuda. Tem interesse? Vamos continuar!

como ter sucesso como empreendedor digital

Como ter sucesso como empreendedor digital

Valorize Sua Equipe

É de fundamental importância que você dê bastante valor para a sua equipe. Nenhuma empresa que ignora seus funcionários consegue obter sucesso.

Converse com as pessoas, faça sugestões, escute opiniões, faça com que eles se sintam importantes, e eles de fato são. Para ter sucesso como empreendedor digital, conversar é necessário.

Afinal, nenhuma empresa funciona sem trabalhadores. Qualquer que seja a companhia, ela só se mantém por causa dos funcionários. Empreender na internet pode ser uma excelente forma de ganhar renda extra.

Também é importante que você mantenha um bom relacionamento com seus clientes. Visite-os, pergunte, manter um convívio assim permite que você tenha uma noção do mercado.

 

A Vida Não É Só Trabalho

Um erro que destrói a carreira de muitos empreendedores digitais é a obsessão com o trabalho. Para tersucesso como empreendedor digital precisa entender que trabalho em excesso atrapalha muito.

Quando você não usa o tempo para cuidar de sua saúde física e mental, tudo desmorona. O estresse toma conta de sua cabeça, e por consequência, atrapalha seu trabalho.

Trabalhar sob estresse não dá certo em hipótese alguma. Você não consegue pensar direito, e o pior é que começa a transmitir esse sentimento para toda a equipe. Afunda qualquer empresa.

Tenha um hobby, pratique esportes, leia, jogue video game, fique leve. Se possível até mesmo proponha uma espécie de happy hour para sua equipe.

 Aprender como ganhar dinheiro na internet, é um das formas mais efetivas para ser um empreendedor. 

sucesso no empreendedorismo

Mantenha-se Atualizado Sobre Seu Ramo De Trabalho

O mundo atual muda constantemente, e é essencial para você e sua empresa acompanhar essas mudanças.

Um empreendedor de sucesso não fica estagnado em um mesmo conceito, tudo muda, ainda mais no mundo dos negócios.

Incentive sua equipe para manterem-se atualizados, desse modo, vocês já estarão preparados para qualquer mudança de mercado.

Já dizia o grande filósofo: um empreendedor digital de sucesso não entra duas vezes no mesmo rio.

 

Insistir É Necessário

Ninguém ganha nada na vida desistindo facilmente das coisas, do mesmo modo, um empreendedor de sucesso tem de ser persistente.

Ser insistente é uma característica essencial para de ter sucesso em seu negócio. Se algo deu errado, reveja todo o percurso e descubra o motivo.

É preciso ser inteligente para enxergar saídas, para ver mercados em potencial ou ramos que sejam desfavoráveis.

Contudo, muitos empreendedores acabam confundindo persistência com teimosia, desse modo acabam caindo em um buraco.

Você deve ser insistente, não teimoso, aprenda a diferença entre as duas coisas. Para ter sucesso como empreendedor digital, isso é fundamental. O Empreendedor digital é alguém que trabalha em casa, e é preciso saber como trabalhar em casa.

 

Ouça Seus Clientes

O empreendedor digital de sucesso sabe da importância de escutar seus clientes, são eles quem compram seu produto, então eles têm uma opinião verdadeira.

Nenhum empreendedor consegue ser grande sem ouvir o feedback do consumidor. Procure criar uma ouvidoria e esteja sempre acompanhando as opiniões.

Muitas vezes você pode estar tão envolvido com questões administrativas que nem percebe como está a qualidade do produto, o cliente sempre tem razão.

Acatar conselhos fará com que seu produto sempre tenha uma boa qualidade. Saber ouvir é essencial para todo empreendedor digital de sucesso.

Planeje, Mas Não Muito

Mesmo que ter iniciativa seja importante para o empreendedorismo, é preciso ser consciente. Agir sem pensar pode ser um erro fatal.

Planeje as coisas básicas do seu negócio, esteja sempre preparado para qualquer imprevisto. Mas lembre-se que imprevistos acontecem, se matar de planejar será em vão.

Mantenha sempre os pés no chão, e caso jogue as duas pernas para frente, deixe os braços atrás. Nem tudo dará certo, mas você deve ter sempre a opção de consertar.

Dado isso, essas são as dicas para você que quer ser empreendedor. Seja comunicativo, proativo, precavido e bom ouvinte. Seguindo essa dicas você certamente conseguirá ser um sucesso como empreendedor digital.

 

 

05 dicas para como gravar vídeos

Como Gravar Vídeos para o YouTube: 5 dicas para criar vídeos

 Você está pensando em gravar vídeos mas não sabe por onde começar? Fique tranquilo, pois hoje vou lhe dar 5 dicas para criar vídeos de uma forma profissional.

Entenda que a criação de vídeo é um passo fundamental para quem deseja ter sucesso no meio digital, então, não fique para trás e se atente a todas as dicas. Vamos começar:

Como Gravar Vídeos para o YouTube

1º Escolha o tipo de vídeo

Antes de ligar as câmeras deve saber como vai fazer esse vídeo. Basicamente existem três tipos de vídeos, são eles:

 

  • Explicativo:você pode explicar algum assunto relacionado a seu nicho, fazendo uma espécie de vídeo aula ou mesmo ensinando uma técnica para seu público.
  • Promocional:pode anunciar um determinado produto, mostrando benefícios e vantagens que o produto gera para todos que possuírem.
  • Vídeo ao vivo:pode também fazer uma conversa com eles, por meio de um vídeo ao vivo.

Também deve escolher como vai ser esse vídeo, também tem três opções:

  • Vídeos pessoais:a maneira mais utilizada de gravação, quando você aparece atrás das câmeras e discorre sobre um determinado assunto.
  • Animações: existem hoje várias ferramentas que possibilitam a criação de vídeos animados, você não vai precisar aparecer, e o vídeo fica muito competitivo
  • Slides: Pode preparar uma pequena apresentação de slides, baixar um software e gravar a tela do seu computador enquanto vai falando por trás.

Talvez você esteja se perguntando qual a melhor forma de gravação de vídeo, e a verdade é que todas são boas e podem gerar grandes resultados. Mas tudo vai depender do nicho que você estiver inserido.

Por isso, antes de tomar a decisão de como vai gravar o vídeo, entenda o que seu público alvo mais busca.

aprenda como gravar vídeos

2º Conhecimento

Entenda que não estou falando apenas de conhecimento em relação ao assunto, mas em um contexto geral.

Você vai precisar:

  • Conhecer seu público:entender seu público é fundamental, saiba que somente assim vai conseguir atingir eles de uma boa forma, visto que, precisa conhecer seu público para entender as necessidades deles.
  • Conhecer o assunto:antes de ligar as câmeras estude muito sobre o assunto, você vai precisar ter um ótimo conhecimento em relação ao que vai falar, ainda mais se pretende gravar vídeo ao vivo.
  • Conhecer a plataforma: você precisa entendersobre a plataforma na qual está publicando seu vídeo, isso porque vai precisa otimizar o conteúdo.

 

3º Olhe seu concorrentes

Essa dica é mais valida ainda se você for novo no mercado, entenda que possui vários concorrentes, que gravam vídeos até melhores que você, mas isso não pode ser um fator desanimador.

Você tem tanto potencial quanto qualquer outro concorrente, por isso, olhe para os passos que eles dão, não faça isso para plagiar, mas sim, para acompanhar o ritmo do mercado.

Sempre esteja atento a todos os passos que os concorrente vão dar, e não faça apenas o que eles fazem, veja o que deixam de fazer, e torne isso como um diferencial.

gravar videos para o YouTube

4º Estúdio – Equipamentos

Não se assuste com essa dica, não vou dizer aqui que precisa ter um estúdio profissional que contenha paredes ante ruído e uma câmera excelente.

Não se engane, muito mais do que um bom equipamento um vídeo de sucesso precisa de personalidade, fique atento à sua estrutura sim, mas não somente há ela.

Monte um estúdio na sua casa, na internet existem vários tutoriais de como você pode fazer isso gastando bem pouco.

Deixe sua criatividade solta e produza os melhores vídeo de acordo com a sua realidade.

 

5º Aprenda Gravando

Entenda que não há outra forma de aprender a gravar vídeos se não, gravando vídeos. Por isso, pare de criar desculpas para gravar, e comece agora mesmo a gravar.

Mesmo que seus primeiros vídeos não ficarem tão bons, não desanime, continue gravando até eles melhorarem.

 

 

dicas pra o trabalho digital

Porque as pessoas desistem do trabalho no meio digital?

Atualmente cada vez mais pessoas tem procurado trabalho no meio digital como forma de complementar a sua renda ou como fonte principal de ganhos. A grande maioria delas acaba desistindo logo nos primeiros meses e voltando a procurar as formas tradicionais de trabalhar.

Neste artigo, iremos apresentar os motivos que levam a maioria das pessoas a desistir desse campo de atuação, e dar algumas dicas para você que quer se arriscar nesse mercado, que vem crescendo cada vez mais todos os dias e pode ser bastante rentável se você se esforçar do jeito certo.

 

Você não vai ganhar dinheiro dormindo

 

Muitas pessoas pensam que o trabalho no meio digital é fácil, os ganhos são elevados e acontecem de forma rápida, e que elas não precisam se esforçar muito, podendo apenas colocar um blog ou canal no ar e ganhar dinheiro enquanto dormem.

É aí que muitas delas desistem por não receberem o retorno esperado, porém, não percebem que talvez elas não tenham empregado todo o esforço que é realmente necessário.

A realidade é que, como qualquer trabalho, em qualquer meio, no trabalho no meio digital você também precisa se esforçar bastante, se dedicar muito e não pode contar apenas com a sorte.

Você não vai acordar amanhã com rios de dinheiro chegando na sua conta bancária se não estiver disposto a trabalhar bastante, estudar muito e se esforçar para ter algum destaque, pois já tem muito conteúdo sobre todos os assuntos disponíveis na Internet, é preciso buscar o diferencial para se destacar.

Você vai precisar mostrar algo novo para chamar atenção das pessoas, conseguir destaque e aí sim lucrar. E para saber como fazer isso, não basta simplesmente começar, é imprescindível que você se esforce, estude e trabalhe, muito.

 

 

Ouse, se arrisque e inove

 

Outro motivo comum que leva as pessoas a desistirem do trabalho no meio digital é o medo de arriscar. Como já foi dito, já existe muito conteúdo sobre todos os assuntos disponíveis na rede, para que você comece a ganhar dinheiro com trabalho na Internet, você precisa se destacar.

É necessário que você se arrisque, ouse, seja inovador, faça a diferença. Não tenha medo de errar. Não se acomode.

O medo de não dar certo, pode te impedir de sair da sua zona de conforto, e você pode acabar desistindo por ficar com medo de se arriscar. Não tenha medo de cometer erros. Se eles acontecerem, use-os como motivação para seguir em frente e tentar de novo, já sabendo o que não fazer.

 

Seja um profissional no seu trabalho no meio digital

Algumas pessoas pensam que por estarem no conforto de suas casas, podem fazer seu trabalho de modo mais informal e relaxado, pouco profissional. Mas a verdade é que o trabalho no meio digital é exatamente isso, um TRABALHO, como qualquer outro, que requer uma rotina, horários e uma postura profissional.

Então não esqueça de estabelecer e seguir uma rotina de trabalho. Tenha horários, escolha um local tranquilo para trabalhar na sua casa, onde você não vai sofrer interrupções e esteja livre de distrações.

Além disso, muitos pensam que não precisam estudar, fazer cursos e de fato investir numa carreira. Esse é outro motivo que levam as pessoas a desistirem.

Tenha em mente que você precisa sim se profissionalizar, não basta sentar-se na frente do computador e começar a fazer algo que você ainda nem sabe muito bem o que é e nem como fazer. Então, estude sime muito.

Neste artigo, você conheceu alguns dos motivos que levam as pessoas a desistir do trabalho no meio digital, e ainda contou com algumas dicas para como contornar esses problemas. Aproveite essas dicas, e invista na sua profissionalização. Boa sorte!

como vender no facebook

Como vender no Facebook sem mistérios e sem complicações

Fazendo do Facebook uma rede social muito útil na hora de gerar vendas online

 O Facebook é a rede social mais utilizada no mundo atualmente. Todo dia os olhos de milhões de pessoas veem fotos de amigos, páginas com conteúdo interessantes, trocam mensagens, etc….

Assim, ela pode funcionar como uma vitrine sensacional, que pode ser usada para vender produtos a essa audiência que todo dia acessa a rede social.

E essa é uma dúvida muito frequente de pessoas que já possuem um negócio e desejam aumentar suas vendas.

“Como vender pelo Facebook?”

Neste artigo, vamos responder essa pergunta. Portanto, fica com a gente até o final, ok?

A estratégia em três etapas

Existem muitas estratégias no mercado para gerar vendas por meio dessa rede social. No entanto, uma das que frequentemente geram mais resultados se baseia em um processo de três etapas, que apresentaremos a seguir.

Esses passos devem ser cumpridos na ordem como mostrada, pois tentar realizar eles de forma aleatória será um passo certo para o fracasso.

vender no Facebook

Etapa um: a fase de atração

Tenha em mente o seguinte, ninguém nesse mundo entra no Facebook com a intenção de comprar alguma coisa.

Ele simplesmente não foi projetado para isso, e sim para ser um meio de comunicação entre pessoas de todo mundo.

Assim, se quiser gerar vendas por meio dessa rede social, será preciso um trabalho para conseguir atrair o cliente até o produto. Muitos não fazem isso, apenas colocam anúncios com imagens do produto e tentam vender pelo Facebook.

E o resultado? Muito menos vendas do que poderiam ser feitas caso ele tivesse uma estratégia como a que estamos apresentando.

Voltando a parte da atração. Se trata de usar alguns gatilhos que instiguem as pessoas a darem uma maior atenção ao seu produto.

Uma das possibilidades para fazer isso é usando uma dor do cliente. Vamos entender dor aqui como um problema.

Exemplo, você tem um curso de finanças pessoas pra vender.

Pode ser que não seja interessante apenas colocar anúncios de venda sobre ele. Mas, e se você fizer vídeos falando sobre as dores que as pessoas que se interessariam em comprar esse curso tem?

Geralmente, uma pessoa que compraria tal curso tem problemas com seu orçamento, dívidas, etc…. Logo, você pode focar em intensificar esse sentimento de dor nelas para na frente anunciar seu produto, essa primeira etapaé para gerar a atração e atenção dos clientes em potencial.

Etapa dois: deixar a clientela engajada

Agora que você conseguiu gerar atração nas pessoas que potencialmente podem comprar seu produto dentro do Facebook, está na hora de causar engajamento neles.

Isso é bem mais simples de fazer quando você já causou a atração neles através do uso do gatilho de tencionar suas dores. A pessoa sabe que tem um problema agora, e isso a faz buscar a solução do mesmo.

Então, o que você precisa fazer nessa etapa é começar a mostrar a sua audiência como resolver aquele problema em questão. Isso gera uma tensão no público ainda maior para ter disponível a solução da sua dor.

E aí vamos a última etapa do processo de vendas para o Facebook.

Etapa três: realizar a conversão em vendas

Talvez essa seja a parte mais fácil do processo. Você já tem o público que precisa da sua solução atraído e ansioso por algo que resolva sua dor com aquele problema em questão.

Já possui alguma autoridade digital por ter mostrado a eles seu problema e explicado o que precisa ser feito para corrigir a solução. O que falta agora para vender é apenas apresentar o produto.

Mas o apresente como uma solução, e use o gatilho da dor para que as pessoas se sintam impelidas a ter essa solução em mãos mais ainda.

E então, veja como um percentual dessas pessoas que compõem sua audiência comprarão esse produto. Mas não pelo produto, e sim pela solução que ele oferece.

Conclusão

Essa estratégia é muito eficaz para vendas no Facebook, bastando apenas ser seguida corretamente.

O uso das três etapas nessa ordem é capaz de causar enormes quantidades de conversão, então tenha essa estratégia sempre em mente na hora de vender.

Agora que aprendeu algo de muito valor neste artigo, deixe seu comentário falando sobre os resultados que certamente teve após colocar a estratégia em prática.

Até logo e ótimas vendas.